Institucional

Recredenciamento aborda assistência estudantil pela Prae


Na pandemia de Covid a UFMT criou novas modalidades de auxílio

A Pró-reitoria de Assistência Estudantil (Prae) da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) destaca-se no recredenciamento institucional como ações na política de atendimento aos discentes. Com projetos em desenvolvimento desde 2016 e outros construídos durante o período de pandemia da Covid-19, a fim de prestar assistência aos estudantes, a pró-reitoria integra os alunos a universidade de modo a estabelecer acolhimento institucional.

A pró-reitora de Assistência Estadual, Lisiane Pereira de Jesus, explica que em consonância aos objetivos do Programa Nacional de Assistência Estudantil, a PRAE implementa políticas que objetivam favorecer o acesso e a permanência dos estudantes ao ensino superior de modo a contribuir com o desempenho acadêmico, prevenir a retenção e evasão, e atingir a diplomação como fator de êxito na formação universitária. “Tais ações têm como fim último cumprir sua função essencial de formação acadêmica indissociável entre ensino, pesquisa e extensão de estudantes em condições de vulnerabilidade socioeconômica”, ressalta.

A assistente social do quadro da Prae, Tatiane Eloize Furyama Mota, destaca que a pró-reitoria atuou em conjunto com outros órgãos da UFMT para o levantamento dos dados para o recredenciamento institucional. “A PRAE atuou em conjunto com outras unidades da UFMT no sentido de tornar pública as informações relacionadas à formulação, implementação, gestão e acompanhamento de políticas institucionais no âmbito da assistência estudantil e de ações afirmativas que objetivam favorecer o acesso e a permanência dos/as estudantes, de modo a contribuir com o desempenho acadêmico e o alcance de diplomação como fator de êxito na formação universitária”, explicou.

Tatiane Eloize Furyama Mota contou que desde junho de 2020, a PRAE tem se organizado para realizar o levantamento das informações e documentações necessárias ao processo de recredenciamento institucional. “Para facilitar o entendimento acerca deste processo, a unidade criou um grupo de whatsapp e realizou algumas reuniões com os/as servidores/as para tratar sobre a importância desse processo para a instituição e, sobre a necessidade de envolvimento de toda a equipe”, relatou a assistente social sobre o desenvolvimento do processo de coleta para o recadastramento institucional.

No levantamento de dados a Prae fica responsável por reunir informações sobre a política de atendimento aos discentes como indicador prioritário na avaliação do recadastramento institucional. “Cabe dizer que, apesar da PRAE ser a unidade principal, outros setores como a PROEG, PROPLAN, STI, SETEC e as Supervisões de Assistência Estudantil dos câmpus Araguaia, Sinop e Várzea Grande, contribuíram com a juntada de dados e informações acerca da Política de Atendimento aos/às discentes na UFMT”, destacou Tatiane Eloize Furyama Mota.

Prae reuniu dados sobre bolsas concedidas até 2020

Tatiane Eloize Furyama Mota explicou ainda que a PRAE colaborou com outras unidades para o levantamento de dados sobre planejamento e desenvolvimento de políticas institucionais e também de espaços para atendimentos aos discentes, além de políticas institucionais e ações de estímulo à produção discente e à participação em eventos. “Destaca-se que para o processo de recredenciamento institucional a PRAE comprometeu-se em analisar e apresentar os dados relacionados à concessão de bolsas e auxílios estudantis que foram ofertadas durante o período de 2016-2020”, disse.

A assistente social explica que alguns dos projetos que tiveram apoio da Prae são Programa de Acolhimento Imediato (PAI); Programa de Alimentação Integralmente Subsidiada; Auxílio Moradia; Casa do Estudante (CEU); Auxílio Permanência; Auxílio Evento; Auxílio Material Pedagógico; Auxílio Emergencial; Auxílio Vivência; Monitoria Inclusiva; Programa Bolsa Permanência (PBP). A Prae também atua no Programa de Inclusão Indígena (PROIND) e Programa de Inclusão Quilombola (PROINQ); Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência (PIBID) e o Programa de Residência Pedagógica (RP); Programa de Monitoria; Programa de Tutoria e o Programa de Educação Tutorial (PET).

“Além das bolsas/auxílios supracitados, em razão do contexto de Pandemia, a UFMT criou novas modalidades de auxílios: Apoio financeiro a projetos estudantis de intervenção em contexto da covid-19; Apoio Emergencial-Alimentação; Auxílio Inclusão Digital-acesso à Internet”, lembrou a assistente social sobre o trabalho da Prae durante a pandemia de Covid-19. Tatiane Eloize Furyama Mota citou ainda como ações na pandemia o Apoio financeiro para inclusão digital voltado à aquisição/locação de equipamentos ou materiais de acessibilidade. 

Foram desenvolvidos ainda o empréstimo de equipamento, tipo Chromebook; Chamada Pública para Inclusão Digital - Modalidade Pacotes de Dados/Chips - PROJETO ALUNOS CONECTADOS - RNP/MEC e Chamada Interna Induzida nº 05/UFMT/ PROPeq/PRAE/2020. “Considero importante pontuar que além da concessão de bolsas e auxílios a PRAE/SAE desenvolvem atividades voltadas ao acompanhamento acadêmico e realiza acolhimento e orientação psicológica e socioassistencial, com objetivo de atender as demandas estudantis e contribuir com a permanência na universidade”, finalizou.


Veja mais:

Procev mostra integração com sociedade em recredenciamento

Secri apresenta informações para recredenciamento da UFMT

Secomm desenvolve ações em recredenciamento da UFMT 

UFMT lança site para recredenciamento institucional

UFMT realiza encontros para abordar recredenciamento

Biblioteca realiza ações para recredenciamento institucional

CPA participa do processo de recredenciamento da UFMT

PORGerência de Imprensa
imprensa.secomm@ufmt.br

DATAJul 14, 2022, 7:57:00 AM

Logo da UFMT
Câmpus Cuiabá

Av. Fernando Corrêa da Costa, nº 2367
Bairro Boa Esperança - Cuiabá - MT
CEP: 78060-900

(65) 3615-8000

Funcionamento Administrativo 7h30 às 11h30 e 13h30 às 17h30

Câmpus Araguaia

Unidade I - Pontal do Araguaia
Avenida Universitária, nº 3500
Pontal do Araguaia - MT
CEP: 78698-000

(66) 3402-1108

Unidade II - Barra do Garças
Avenida Valdon Varjão, nº 6390
Barra do Garças - MT
CEP: 78605-091

(66) 3402-0736

Funcionamento Administrativo 08:00 às 11:30 e das 14:00 às 17:30 (horário local)

Câmpus Sinop

Avenida Alexandre Ferronato, nº 1200
Bairro Residencial Cidade Jardim - Sinop - MT
CEP: 78550-728

(66) 3533-3100

(66) 3533-3122

Funcionamento Administrativo 7h30 às 11h30 e 13h30 às 17h30

Câmpus Várzea Grande

Av. Fernando Corrêa da Costa, nº 2367
Bairro Boa Esperança - Cuiabá - MT
CEP: 78060-900

(65) 3615-6296

Funcionamento Administrativo 7h30 às 11h30 e 13h30 às 17h30